A CAÇA ÀS BRUXAS E INQUIZIÇÃO

A “Caça às Bruxas e Inquizição”

          – Caça as Bruxas –

Muitos países da Europa quase não participaram da caça às bruxas, e 3/4 do território europeu não viu um julgamento sequer. A Islândia executou apenas quatro “bruxas”; a Rússia, apenas dez. A histeria foi mais forte na Suíça calvinista, Alemanha e França.
Depois da enorme devastação decorrente da peste negra que vitimou 1/3 da população europeia em meados do século XIV) esses rumores aumentaram e passaram a focar mais em bruxas e “propagadores de praga”.
Esta suspeita costumava recair sobre as mulheres estrangeiras e suas estranhas práticas.
Screenshot_134É, todavia, postulado pela própria academia que na época da Inquisição Espanhola a Igreja perdeu o controle sobre o que veio a se tornar uma verdadeira histeria coletiva, com julgamentos e execuções realizadas à sua revelia por COMUNIDADES LOCAIS.
A “Caça às Bruxas” na Europa começou no fim da Idade Média e foi uma questão de seitas e conotação de processo religioso – político e social da Idade Moderna. A situação assumiu tamanha dimensão, também devido às populações sofrerem frequentemente de maus anos agrícolas e de epidemias, resultando elevada taxa de mortalidade, e dominadas pela superstição e pelo medo. A maior parte das vítimas foram julgadas e executadas entre 1550 e 1650.
A maioria das vítimas foram julgadas e executadas por tribunais seculares, sendo os tribunais locais, foram de longe os mais intolerantes e cruéis. Por outro lado, as pessoas julgadas em tribunais religiosos recebiam um melhor tratamento, tinham mais chances de poderem ser inocentadas ou de receber punições mais brandas, o que se denominava na época de Comissões da Verdade as inquisições, com base nos Cânones.
A maioria das vítimas eram parteiras ou curandeiros; mas a maioria não era bruxa. A grande maioria das vítimas eram da —religião cristã—, até porque a população pagã na Europa na época da caça às bruxas, era muito reduzida.
A caça às bruxas não foi perpetrada pela Inquisição, mas sim por Estados e tribunais civis independentes, sem reais ligações com a Inquisição

—  INQUISIÇÃO  —
´´A Inquisição na Espanha celebrou, entre 1540 e 1700(160 anos), 44.674 juízos. Os acusados condenados à morte foram apenas 1,8% (804) e, destes 1.7%(13) foram condenados em contumácia´(queima de efígies)´´. Adriano Garuti, historiador escreve: ´´contrariamente ao que se pensa, apenas uma pequena fração do procedimento inquisitorial se concluía com a condenação à morte. http://pt.wikipedia.org/wiki/Inquisiçao
Recomenda-se que os torturadores não excedam ao ponto de espancar o acusado ou denunciadohttp://pt.wikipedia.org/wiki/Inquisição_medieval
maxresdefault (1) - CópiaAs punições variavam: da mais comum (quase 80% dos casos) A morte pelo garrote (estrangulamento) era usada para arrependidos —-http://pt.wikipedia.org/wiki/Inquisição_espanhola
A Igreja Católica ´queimou cientistas´? http://logosapologetica.com/a-igreja-catolica-queimou-cientistas/
Com relação o tema caças as bruxas e inquisição oque as fontes dizem parece muito menos sensacionalista e alarmante como fazem querer parecer , com relação a caças as bruxas foi uma questão de seitas e conotações de uma evolução do processo religioso influenciado pela cultura local por tradições de religiões pagãs anteriores enraizadas em sua cultura e em sua quase totalidade realizada por COMUNIDADES LOCAIS sem ligação direta com a igreja:
——INQUISIÇÃO —- motivada pela devastação decorrente da peste negra.

O termo Inquisição refere-se a várias instituições dedicadas à supressão da heresia no seio da Igreja Católica. A Inquisição foi criada inicialmente para combater o sincretismo entre alguns grupos religiosos, que praticavam a adoração de plantas e animais e utilizavam mancias.( métodos de adivinhação de artes adivinhatórias)
Toulouse, considerada uma das cidades em que a inquisição atingiu grau mais forte “houve apenas 1% de sentenças à morte “Em uma época em que o uso da tortura era geral nos tribunais penais europeus, a inquisição espanhola seguiu uma política de benignidade e circunspeção que a deixa em lugar favorável se se compara com qualquer outra instituição”As cenas de sadismo que descrevem os escritores que se inspiraram no tema tem pouca relação com a realidade”;
“em comparação com a crueldade e as mutilações que eram normais nos tribunais seculares
“As fontes históricas demonstram muito claramente que a inquisição recorria à tortura muito raramente.
“A Inquisição na Espanha celebrou, entre 1540 e 1700(160 anos), 44.674 juízos. Os acusados condenados à morte foram apenas 1,8%(804) e, destes, 1,7%(13) foram condenados em ‘contumácia'(queima de bonecos)”.

LEIA TAMBÉM —  BRUXAS E DEMÔNIOS  https://noticiasbiblia.wordpress.com/2016/01/09/173/

—————–

Fontes: http://pt.wikipedia.org/wiki/Inquisição

http://pt.wikipedia.org/wiki/Caça_às_bruxas

Participe Grupo Facebook: Debates perguntas cristãs complicadas

 

Anúncios

Um comentário sobre “A “Caça às Bruxas e Inquizição”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s